Tamanho do texto

Manifestação ocorre das 13h às 18h, com concentração na Avenida Paulista

Aproximadamente três milhões de pessoas são esperadas neste domingo (18) na Parada SP, que chega a sua 21ª edição celebrando o orgulho LGBT. Além de ser uma festa já tradicional da cidade, é também uma manifestação promovida pela Associação da Parada do Orgulho de Gays, Lésbicas, Bissexuais e Transgêneros de São Paulo .

Leia também: É Parada LGBT ou Parada Gay? É carnaval ou protesto?

Concentração de pessoas na 20ª edição da Parada SP, cujo tema foi a discussão da lei de indentidade de gênero
Paulo Pinto/ Fotos Públicas 29.05.2016
Concentração de pessoas na 20ª edição da Parada SP, cujo tema foi a discussão da lei de indentidade de gênero

A Parada SP ocorre das 13h às 18h, com concentração a partir das 10h na Avenida Paulista. Na sequência, os manifestantes seguem até a Rua da Consolação para chegar ao Vale do Anhangabaú, onde vai ocorrer um show de encerramento a partir das 19h.

Leia também: Parada SP 2017 terá Daniela Mercury, teatro, circo e muito mais

As cantoras Daniela Mercury, Anitta, Lorena Simpson e Naiara Azevedo estão entre as principais atrações. Já o show de encerramento vai ter a participação de Alice Caymmi, Tamara Angel e um cabaré com artistas da noite paulistana.

Trânsito

A CET (Companhia de Engenharia de Tráfego) informou que vai monitorar o trânsito nas regiões da Bela Vista, Consolação e centro a partir das 5h de domingo. A escolta dos trios elétricos vai começar às 8h na Avenida dos Estados e continua até a Avenida Paulista.

Leia também: Parada do Orgulho LGBT: o sentido das palavras orgulho e diversidade

O trajeto terá início na Avenida Paulista, sentido Consolação, em frente ao MASP (Museu de Arte de São Paulo). Depois, segue para a Rua Consolação no sentido centro, desligando o som dos trios em frente à Paróquia Nossa Senhora da Consolação. As pessoas continuam pela Rua Coronel Xavier de Toledo em direção ao Vale do Anhangabaú.

Leia também: "Foi difícil me aceitar como uma mulher transexual", revela Viviany Beleboni

A companhia informa ainda que a liberação das vias vai acontecer de acordo com a passagem do último trio elétrico. Os bloqueios na Paulista por conta da Parada SP ocorrem a partir das 10h, enquanto na Consolação, das 12h. Entretanto, o recomendado é evitar a região, se possível, durante todo período. A melhor opção é usar o metrô, já que as linhas de ônibus que atendem a região devem ter alterações nos itinerários.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.