Tamanho do texto

Os bilhetes recebidos pelo casal gay mostraram que a Austrália ainda tem um longo caminho no combate ao preconceito e à homofobia

Mesmo após a maioria da população australiana (61,6%) ter votado a favor do casamento entre pessoas do mesmo sexo na semana passada, bilhetes recebidos por um casal gay australiano mostraram que o país ainda tem um longo caminho no combate ao preconceito.  Há alguns dias, Kirk Muddle e seu marido Andrew começaram a receber cartas com ameaças e xingamentos de um vizinho que não se identificou.

Leia também: Casal de homens viraliza na web com foto recriada depois de 24 anos

O casal gay foi alvo de bilhetes homofóbicos
Reprodução/Facebook/Kirk Muddle
O casal gay foi alvo de bilhetes homofóbicos

Em seu perfil do Facebook, Kirk publicou fotos dos bilhetes para todos os seus seguidores. Entre os recados destinados ao casal gay estão: “Se lembra de quando você e ele era algo ilegal e podiam ser presos? Acho que vou castrar todos vocês!”, “Como vocês ousam corromper nossa vizinhança? Percebe que tem crianças e idosos na área? Nos respeitem!”. “Não é não. Não aos gays”.

Junto com as fotos, Kirk escreveu um texto falando sobre a situação. “Nos últimos dias, Andrew recebeu as seguintes mensagens em nossa caixa de correio aqui em Maroochydore”, ele começa. “É 2017, em uma cidade de cerca de 400 mil habitantes em uma região de mais de 2 milhões. E estamos sujeitos a isso, como dois homens comprometidos em um relacionamento. Estou horrorizado e triste."

Leia também: Veja casais homoafetivos assumidos formados por dois famosos

Kirk faz questão de destacar que a publicação não foi feita para ganhar simpatia dos seguidores. “Isto é apenas para lembrar a todos que a luta não acabou e provavelmente nunca acabará”, ele escreve. “Não queremos nada de especial. Nós não queremos nada ‘pervertido’, queremos apenas os mesmos direitos dos outros e ser tratados como humanos. Um dos nossos vizinhos (quem? Nós nunca saberemos) não acha que merecemos”.

“Eu nunca desistirei. Mas isso me fará olhar os meus vizinhos de forma muito diferente. Sinta-se à vontade para compartilhar. Quanto mais pessoas souberem, mais elas verão que isso nunca acabará. Eu preciso de uma bebida”, ele finaliza.

Veja o post abaixo:

Leia também: Casal homoafetivo está esperando primeiro filho biológico; entenda

Reação dos usuários

A publicação já tem mais de duas mil reações e mais de mil compartilhamentos. Entre os comentários, a grande maioria apoia o casal gay. “Tão horrível. Eu sinto muito que vocês tenham que aguentar esse lixo. Talvez a polícia possa receber uma queixa para registro? Por favor, leve a sua segurança a sério. Aproveite a bebida”, disse uma das usuárias. “Chame a polícia, que comportamento desagradável, muito triste que compartilhamos o mesmo ar que as pessoas que se apegam a opiniões tão estreitas e intolerantes. Amor é amor”, afirmou outra.


    Leia tudo sobre: facebook
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.