Tamanho do texto

Pesquisa mostra que 37% dos americanos ficariam desconfortáveis com o filho tendo aula sobre história LGBT na escola; veja mais dados

A comunidade LGBT e seus aliados precisam sempre lutar por seus direitos e por representatividade mas, ainda assim, muitos heterossexuais ficam desconfortáveis em situações com pessoas LGBT. É o que diz um estudo feito pela “GLAAD”, uma organização a favor de direitos iguais.

Leia também: Veja fotos e histórias de vida de atletas e gay americanos

Pesquisa com americanos mostrou que grande parte deles se sente desconfortável em situações com pessoas LGBT
shutterstock
Pesquisa com americanos mostrou que grande parte deles se sente desconfortável em situações com pessoas LGBT

A pesquisa foi realizada com  2.037 pessoas acima de 18 anos, incluindo 1.708 adultos que se auto-identificaram como heterossexuais. Destes, 25% afirmaram se sentir desconfortáveis ​​ao ver uma foto de casamento de um colega de trabalho LGBT  e 27% não lidariam bem com um membro da família se assumindo .

Além disso, 28% ficariam desconfortáveis ​descobrindo que o professor do filho ou seu médico não são heterossexuais. Ver um casal do mesmo sexo andando de mãos dadas incomodaria 29% dos entrevistados.

Mesmo com esses dados negativos, a pesquisa mostrou um avanço em relação ao ano anterior, indicando um maior nível de aceitação. As categorias que tiveram mais respostas positivas foram as de cunho pessoal como, por exemplo, ver um casal homossexual de mãos dados ou ter algum membro da família que se assumindo.

Leia também: Gays norte-americanos ficam abalados por ataque em clube noturno

A exceção ao progresso da pesquisa foram as categorias que envolvem crianças como “descobrir que meu filho teve uma aula sobre a história LGBT na escola”, em que 37% dos  americanos disseram que ficariam desconfortáveis.

Por causa da legalização do casamento entre pessoas do mesmo sexo, metade dos heterossexuais entrevistados afirmaram que os homossexuais já tem os mesmos direitos que todas as outras pessoas.

Além de ser negado direitos legais básicos, tanto a nível estadual quanto federal - como a discriminação no local de trabalho, na moradia e nas acomodações públicas - os cidadãos  que se identificam fora dos padrões de gênero enfrentam muitas conseqüências, incluindo taxas desproporcionais de sem-teto, doenças mentais e violência.

Leia também: Fotógrafo americano usa fotos românticas de casais gays contra o preconceito

No entanto, um número significante de pessoas heterossexuais relatam que muitas das questões que ainda enfrentam a comunidade LGBT não são graves, indicando uma falta de conhecimento ou falta de interesse pelas duras realidades enfrentadas por essas pessoas.


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.