Tamanho do texto

Sair do quarto? Para quê? Com essa listinha, você vai ter livros incríveis para os próximos finais de semana

A literatura LGBT é um segmento que tange ou narra histórias que abordam questões relacionadas a tal comunidade. Assim como no cinema LGBT, existem premiações específicas para as produções literárias focadas neste público.

○ Leia também:  Uma lista dos 10 melhores filmes LGBT que você não viu e não pode perder

E se você ama ler, ou só está querendo dar um presente legal para o parceiro ou a companheira, confira a lista abaixo! Selecionamos 7 obras de  literatura LGBT para você nunca mais ficar sem opção de leitura.

1. Fun Home: uma tragicomédia em família

Alison Bechdel conquistou com Fun Home diversos prêmios de literatura LGBT
Reprodução do livro Fun Home
Alison Bechdel conquistou com Fun Home diversos prêmios de literatura LGBT

"Fun Home", traduzido como "lar da graça" na edição brasileira, mas que representa uma gíria para "casa funerária", é a história em quadrinhos autobiográfica da estadunidense Alison Bechdel. Vencedora de diversos prêmios pela obra, a quadrinista relata com sensibilidade a relação com o pai e a família, desde a infância até a vida adulta. Seis anos após o lançamento de Fun Home, Bechdel publicou "Are You My Mother?: A Comic Drama", "Você é minha mãe?: Um drama cômico", em tradução livre, sobre a relação dela com a mãe.

2. Amora

O livro de contos de Natalia Borges Polesso versa, com honestidade, sobre mulheres que se relacionam com mulheres. Temas como família, maternidade, juventude e descoberta são pautas sensivelmente exploradas nas linhas de Amora.

○  13 bissexuais, lésbicas e gays famosos que só se assumiram depois dos 35

3. Simon vs. a Agenda Homo Sapiens

Capa do livro Simon vs. a Agenda Homo Sapiens
Reprodução do livro Simon vs. a Agenda Homo Sapiens
Capa do livro Simon vs. a Agenda Homo Sapiens

“Uma história honesta, atemporal e que com certeza fará você derrubar algumas lágrimas." Essa foi a crítica que o segmento teen da revista "Vogue" fez a respeito de "Simon vs. a Agenda Homo Sapiens". O livro de Becky Albertalli conta a história de Simon, jovem gay de 16 anos que tem de lidar com um momento crucial na vida de todas as pessoas LGBT: sair do armário. Com sutileza e bom humor, este tema pesado se torna leve nas palavras de Albertalli.

4. Over the Rainbow: um livro de contos de fadas

Os clássicos contos de fadas pintados das cores do arco-íris, "Over the Rainbow" reúne as clássicas histórias de livros infantis repaginadas sob o olhar de cinco autores LGBT. Cinderela lésbica? Com certeza!

5. Azul é a Cor Mais Quente

via GIPHY

Assim como "Fun Home", "Azul é a Cor Mais Quente", de Julie Maroh, também é uma história em quadrinhos. A obra conta a história de Clementine, jovem de 15 anos que se apaixona por outra mulher, Emma. O leitor acompanha o desenrolar dos fatos pelo diário de Clementine, passando por todas as fases do relacionamento entre elas e mostrando o processo de amadurecimento da personagem principal no decorrer do romance. Foi adaptado para o cinema em 2013.

6. As Rosas e a Revolução

Em 1968, Vilma, a filha de um coronel, descobre seu amor por mulheres e pela liberdade. "As Rosas e a Revolução" narra a história desta jovem, descobrindo-se e lidando com a sexualidade e a luta em meio à ditadura.

○  Diretor de "Moana" diz que princesa da Disney pode ser LGBT

7. Orgias Literárias da Tribo

Não deixe que o nome te assuste! "Orgias Literárias da Tribo" é uma coletânea de textos diversos, nem sempre com a temática sexual, que representam a vivência, os desejos e a cultura LGBT. O compilado conquistou dois prêmios literários em 2015.

via GIPHY


Agora, prepare o cobertor, o chazinho e comece a maratona de literatura LGBT! Quanto tempo será que leva para ler todos?

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.