Tamanho do texto

O foco do evento será a cidadania de travestis e transexuais

Imagens da 19ª Parada do Orgulho LGBT de São Paulo
Fotos Públicas
Imagens da 19ª Parada do Orgulho LGBT de São Paulo

A principal bandeira da 20ª Parada do Orgulho LGBT de São Paulo será “Lei de Identidade de Gênero Já! Todas as pessoas juntas contra a transfobia”. O evento será realizado na Avenida Paulista, no dia 29 de maio.

A marcha fará pressão para que o projeto de lei nº 5.002/2013 seja aprovado na Câmara dos Deputados. A proposta determina o reconhecimento do nome social de travestis e transexuais e a mudança de sexo em documentos oficiais mesmo sem a cirurgia de redesignação sexual.

De autoria dos deputados federais Jean Wyllys (Psol-RJ) e Erika Kokay (PT-DF), o projeto é chamado de João W. Nery, em homenagem ao primeiro homem transexual brasileiro.

“A demanda por essa bandeira veio do segmento de travestis e transexuais por meio de debates promovidos pela associação. Será o momento de mostrarmos a importância desse projeto para a cidadania e para o respeito", disse o presidente da Associação da Parada do Orgulho LGBT de São Paulo, Fernando Quaresma.

As atividades que antecedem a marcha arco-íris e a própria parada também lembrarão a violência que esse público sofre e a importância de políticas públicas que o inclua na sociedade.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.