Tamanho do texto

Em seu perfil no Twitter, pastor criticou decisão da Suprema corte americana a favor do casamento gay

Enquanto classifica como uma 'decadência moral' a decisão histórica da Suprema Corte dos Estados Unidos, a favor do casamento gay, nesta sexta-feira, o pastor Silas Malafaia volta a ser alvo de polêmica envolvendo o tema.

"O que aconteceu hoje nos EUA é mais um capítulo da decadência moral daquela nação", escreveu Malafaia em seu Twitter, pouco tempo depois da decisão. O pastor, que ataca o ativismo LGBT, chegou a fazer ainda outras declarações criticando a medida e revoltou internatutas. 

Leia mais:  Casamento gay: Bolsonaro, Malafaia e Feliciano viram piada nas redes

Internautas fazem piada com perfis de políticos e religiosos, como Silas Malafaia, que ganhou foto com as cores da causa LGBT
Reprodução
Internautas fazem piada com perfis de políticos e religiosos, como Silas Malafaia, que ganhou foto com as cores da causa LGBT




Leia também:  Suprema Corte dos EUA legaliza casamento gay em todo país; veja reações

O 'cabo-de-guerra' até a validação do casamento gay nos EUA

"Por que os gays no Brasil estão alegres com a aprovação do casamento gay nos EUA? Diferente do Brasil, a constituição americana não prevê casamento entre homem e mulher, por isso, a Suprema Corte teve que decidir. No Brasil, o artigo 226 parágrafo 3º determina o que é família e a permissão para o casamento. Se o ativismo gay quer mudar isso, tem que propor uma PEC no congresso nacional. Aqui não é EUA”, disparou o pastor. 

Os comentários também chegaram a ser compartilhados por seguidores de Malafaia. Já no Facebook, internautas lembraram que no ano anterior o pastor elogiou a sociedade americana e o país por seu "desenvolvimento" e "democracia". 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.