Tamanho do texto

Cantora austríaca ficou mundialmente famosa após vencer o concurso musical Eurovision no ano passado

A drag queen austríaca Conchita Wurst estampa a nova capa da Rolling Stone alemã
Reprodução
A drag queen austríaca Conchita Wurst estampa a nova capa da Rolling Stone alemã

A drag queen barbada Conchita Wurst, que ficou mundialmente conhecida após vencer o concurso musical Eurovision de 2014, é a nova capa da versão alemã da revista Rolling Stone. Como já era de se esperar, a capa é linda e ainda rola um topless da cantora, que aparece só com dois adesivos cobrindo os mamilos.

"Eu acho que muitas pessoas já internalizaram a tolerância, e agora querem entender como outras pessoas vivem", conta a cantora em entrevista à revista. "Mas ainda há um longo caminho para percorrer".

Conchita afirma que considera seu papel político de defesa dos direitos e visibilidade LGBTs mais fácil do que ser cantora, pois acredita que é tudo uma questão de conscientização.

"Muitas pessoas não têm nenhuma conexão com a comunidade LGBT e não ficam sabendo de muitas coisas que acontecem com a gente", diz. "Esta é a raíz da insegurança e agressividade."

VEJA TAMBÉM
Drag queen barbada Conchita Wurst desfila de noiva para Jean Paul Gaultier
Pensou em visitar Viena? Veja por que colocar a cidade na lista de destinos LGBT

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.