Tamanho do texto

Celebrado nos Estados Unidos e em outros países, o 11 de outubro lembra a Marcha Nacional Pelos Direitos de Gays e Lésbicas, que aconteceu em Washington, em 1987

A data ainda é pouco difundida fora dos Estados Unidos, mas neste dia 11 de Outubro é celebrado o Dia de Sair do Armário. Assim, gays, lésbicas, bissexuais, transexuais e transgêneros têm nesta sexta-feira uma ótima oportunidade para assumir sua condição sexual publicamente.

CURTA O IGAY NO FACEBOOK 

Essa atitude política libertária já foi tomada por muitas celebridades. Recentemente, aqui no Brasil, Daniela Mercury causou barulho ao assumir o seu relacionamento com a jornalista Malu Verçosa . Aliás, a cantora se casa no próximo sábado (12) com a parceira.

Fora da Brasil, duas celebridades saíram do armário recentemente. Michelle Rodriguez , da série “Lost” e "Velozes e Furiosos", se assumiu declarando: “ Sou bissexual. Sou curiosa demais para não experimentar quando tiver a oportunidade. Os homens são intrigantes. As garotas também”.

Já o ator Wentworth Miller , de “Prison Break”, se assumiu gay num forte gesto político . Num protesto contra o governo da Rússia, que tem aprovado leis contra à comunidade LGBT, Miller se declarou homossexual ao se recusar a participar de um festival de cinema russo.

“Não posso em sã consciência participar de um evento comemorativo organizado por um país onde as pessoas como eu têm sistematicamente seus direitos básicos de viver e amar abertamente negados”, explicou Miller na ocasião.

Celebrado desde 1988, o Dia de Sair do Armário foi marcado para 11 de outubro por causa da Marcha Nacional Pelos Direitos de Gays e Lésbicas, que aconteceu em Washington (EUA), em 1987.

O Dia de Sair do Armário foi criado pelo psicólogo Robert Eichberg . Além dos EUA, a data é bastante celebrada na Alemanha, na Austrália, no Canadá, na Nova Zelândia, no Reino Unido e na Suíça.

Já está mais do que na hora do Brasil colocar essa data no seu calendário.  

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.