Tamanho do texto

Pesquisa do sindicato dos atores revelou ainda que profissionais são rejeitados por serem homossexuais e que têm salários inferiores aos dos colegas heterossexuais

Uma pesquisa realizada pelo Screen Actors Guild, o sindicato que reúne os atores dos EUA, revelou que 50% destes profissionais já sofreram preconceito nos sets de filmagem. O estudo contou com 5.900 participantes.

Veja quem são os atores gays assumidos de Hollywood:

CURTA A PÁGINA DO IGAY NOP FACEBOOK

15% dos ouvidos se identificaram como gays, lésbicas, bissexuais ou transgêneros. Dentro desta porcentagem, um terço dos pesquisados acredita que diretores de elenco, diretores e produtores são tendenciosos na escolha dos atores

Um em cada cinco homens gays disseram ter sofrido algum tipo de discriminação. E um em cada dez afirmaram terem sido rejeitados para papéis por serem gays. O salários deles também era inferior aos dos heterossexuais.

Jody Herman , gerente de pesquisa do Instituto Williams, que foi responsável pela execução da pesquisa, explicou que existe também um medo dos atores em interpretar papeis gays por conta de limitações futuras na carreira.

 “Atores LGBT são significativamente mais propensos a interpretar personagens LGBT ", analisou Herman.  

A pesquisa também apresentou dados positivos. 72% dos atores assumidos afirmaram que não tiveram efeitos negativos ao falarem livremente sobre sua orientação sexual.

“Se assumir continua a ser uma decisão importante e que gera consequências para muitos artistas. Estamos comprometidos a apoiar nossos membros para que vivam suas vidas pessoais e profissionais de forma honesta e autêntica", ponderou  Duncan Crabtee -Ireland , diretor administrativo do Screen Actors Guild. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.