Tamanho do texto

Em entrevista ao programa "Gabi Quase Proibida", o modelo e empresário falou do relacionamento com o estilista e da carreira nos filmes eróticos

Frente a frente com a jornalista Marília Gabriela, o modelo e empresário Harry Louis falou abertamente sobre sua vida na indústria dos filmes pornô e também do seu namoro com o estilista americano Marc Jacobs .

ACOMPANHE O IGAY NO FACEBOOK

Na conversa, que será exibida no “Gabi Quase Proibida” desta quarta-feira (04), às 0h, no SBT, ele revelou ainda que chegou a passar fome na Espanha e que até se prostituiu para se sustentar. "Fiz programas na Espanha por necessidade. Passei fome, cheguei a ficar três dias sem comer nada", admitiu.  

Nascido em Minas Gerais, com o nome de Edgar Xavier, Harry chegou a protagonizar mais de 30 produções do cinema erótico. Ele abandonou a carreira depois que começou a namorar Jacobs. “Parei (de fazer filmes adultos), depois de 6 meses de namoro. A decisão foi minha”, explicou.  

Chamado de Ed por Jacobs, Harry deu detalhes da noite em que conheceu Marc, contando que os dois passaram três horas conversando antes de rolar algo mais. 

"Foi um tesão louco, mas também foi amor à primeira vista. Tudo aconteceu de uma maneira natural e linda”, revelou.  

Ir ao teatro, musicais e churrascos com amigos são os programas favoritos de Marc e Harry quando eles estão juntos em Nova York, cidade em que vive o estilista.  

Ao contrário de Jacobs, que tem uma relação distante da família, Harry diz que os familiares sempre respeitaram sua trabalho como ator pornô. "Minha mãe nunca me julgou. A gente se fala 24h, ela é tudo para mim", contou o modelo e empresário. 

Atualmente, Harry é dono de uma loja de chocolates online. O negócio foi inspirado na infância do mineiro. “Minha avó fazia chocolates para o Natal, então aprendi a cozinhar com ela, aos 10 anos”. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.