Tamanho do texto

Válida do jardim da infância ao ensino médio, medida permite que estudante utilize o toalete do sexo com o qual se identifica

O governador da Califórnia  Jerry Brown acaba de assinar uma lei permitindo que estudantes transexuais escolham o banheiro ou vestiário que desejam usar nas escolas. A medida, válida para alunos do jardim de infância ao ensino médio, entrará em vigor em 1° de janeiro de 2014.

CURTA O IGAY NO FACEBOOK  

Na Califórnia, estudantes transexuais vão poder escolher seu banheiro
Getty Images
Na Califórnia, estudantes transexuais vão poder escolher seu banheiro

Com a decisão, uma aluna transexual que nasceu homem, mas que se identifica como mulher, poderá frequentar o banheiro feminino. A medida sancionada pelo governador Brown já está provocando polêmica nos Estados Unidos.

A Califórnia é o primeiro estado norte-americano a levar em consideração a identidade de gênero dos alunos nas escolas publicas.

Em Massachusetts e Connecticut existem leis que garante proteção aos transgêneros, mas nada especifico como a lei californiana. 

O aluno transexual  Devon Marchant , da Folsom Lake Community College, vê a medida como positiva. "Dará a oportunidade a esses alunos de participar de atividades extracurriculares e de esportes, sem medo de discriminação ou preconceito”, declarou ele em entrevista à rede de notícias CNN.

Na mesma entrevista , a mãe de aluna  Maria Garcia se mostrou temerosa com a medida.  “Não é porque eles estão confusos que têm que confundir os outros também”, observou. 

O autor da lei, o democrata Tom Ammiano   entende que a convivência com os transexuais vai diminuir o preconceito e o estranhamento como o de Garcia. 

 “Os alunos transexuais vão deixar outras crianças desconfortáveis? Talvez. Não quero minimizar a questão, mas novas experiências são sempre desconfortáveis. E isso não pode ser uma desculpa para o preconceito”, concluiu o Ammiano. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.