Tamanho do texto

Charice Pempengco contou que está aliviada por não ter que esconder sua orientação sexual. Veja outros famosos assumidos na galeria

Mais conhecida no Brasil por sua participação no seriado musical “Glee”, a cantora e atriz filipina  Charice Pempengco , 21, assumiu ser gay numa entrevista a um programa de TV das Filipinas. “Sim, eu sou lésbica”, revelou Charice, quando questionada sobre o assunto na atração “The Buzz”.

Segundo versão online da revista People, Charice se desculpou com os conterrâneos que possam não entender a sua atitude de tornar pública sua orientação sexual.

CURTA A PÁGINA DO IGAY DO FACEBOOK

"Eu tenho uma profunda gratidão pelos filipinos, porque eles são os únicos que sabem quem eu realmente sou. Eu não sei se isso será um problema, porque para mim, não há nenhum problema com isso. Mas eu gostaria de me desculpar com as pessoas que talvez não entendam a situação”, declarou Charice.

Charice:
Getty Images
Charice: "Eu só quero dizer a todos que me sinto muito leve"

Charice também falou do alívio que está sentindo por não precisar esconder a sua sexualidade. "Eu só quero dizer a todos que me sinto muito leve, sabendo que eu posso sair de casa tendo a certeza que eu não estou escondendo nada", revelou.

"Eu me amo, e por isso sou capaz de tomar esta atitude", concluiu ela, com lágrimas nos olhos.

Já conhecida nas Filipinas, Charice ficou famosa ainda criança nos Estados Unidos, quando apareceu soltando a voz no programa da apresentadora Oprah Winfrey .

Depois dessa participação, ela gravou CDs e chegou a cantar junto com os cantores Céline Dion e Andrea Bocelli , entre outros artistas.

Em “Glee”, ela interpretou a personagem Sunshine Corazon, nas temporada 2010/2011 do seriado musical. Atualmente, ela atua como jurada na versão filipina do reality show inglês “The X Factor”.


Leia mais no iGay: 
Jackie Chan “sai do armário” em apoio à comunidade LGBT
"Passei a trabalhar mais depois que sai do armário", diz ator de 'Star Trek'


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.