Tamanho do texto

Atriz, que interpreta mãe do pianista em cinebiografia "Behind The Candelabra", fala sobre sua relação com o astro

Debbie Reynolds em cena no filme
Divulgação
Debbie Reynolds em cena no filme "Behind the Candelabra"

Veterana das telas, com 81 anos, a atriz Debbie Reynolds encarna a mãe do mítico e extravagante pianista Liberace no filme “Behind the Candelabra”, que estreia nos Estados Unidos no próximo domingo (26), no canal a cabo HBO. 

CURTA A PÁGINA DO IGAY NO FACEBOOK

Amiga de Liberace, Debbie falou sobre a sexualidade do músico numa entrevista à revista Out. “Sempre soubemos que ele era gay. Ele era um grande amigo e você sempre sabe do que um amigo gosta”, disse a atriz. 

Blog iGual: O que significa ser "gay demais"?

"Eu não quero que ele seja lembrado apenas por ser homossexual ... Ele deve ser lembrado como um grande artista que era amado por muitas pessoas. É isso que o filme faz", argumentou Debbie. 

Mesmo não estreando nos cinemas,  “Behind the Candelabra” está concorredo a Palma de Ouro do Festival de Cannes. Nesta semana, o filme uma das sensações do evento francês. Intérprete de Liberace, Michael Douglas teve o seu desempenho elogiado pela crítica. 

Leia mais no iGay:
Considerado ‘gay demais’, “Behind The Candelabra” encanta crítica em Cannes
Filme sobre romance entre duas mulheres vira sensação em Cannes

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.