Tamanho do texto

Cantor quer que território dos EUA revogue a lei que impede casais gays de adotar filhos

Ricky Martin: “Os mesmos direitos para todos os cidadãos de Porto Rico. É isto que estamos pedindo
Getty Images
Ricky Martin: “Os mesmos direitos para todos os cidadãos de Porto Rico. É isto que estamos pedindo"

O cantor Ricky Martin pediu que o governo do território americano de Porto Rico amplie os direitos da população LGBT. O popstar mandou uma carta para o governador Alejandro García Padilla e para os membros do Senado e de Câmara.

CURTA A PÁGINA DO IGAY NO FACEBOOK

Martin quer que a comunidade LGBT tenha direitos iguais ao resto da população dos Estados Unidos, como a liberdade para adotar filhos e as proteções legais que garantem integridade e segurança aos gays, lésbicas e transexuais. 

“Os mesmos direitos para todos os cidadãos de Porto Rico. É isto que estamos pedindo", escreveu o cantor, segundo o site Pink News. Rick tem dois filhos, gerados por inseminação artificial numa barriga de aluguel.  

Recentemente, a Suprema Corte do território rejeitou a proposta para revogar a lei que proíbe a adoção por pais gays.

Autor da proposta, o procurador geral pediu que o governo porto-riquenho eliminasse a proibição que trata desigualmente os cidadãos com base na orientação sexual das pessoas. O pedido foi rejeitado por 5 votos 4. 

Leia também:
Estilista da Givenchy e rapper Frank Ocean podem estar namorando
De Matt Bomer a Ricky Martin - Os famosos assumidos mais gatos

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.