Tamanho do texto

O ex-jogador de futebol Robbie Rogers fala de sua vida antes de assumir sua homossexualidade

O jogador Robbie Rogers que se aposentou após se assumir gay
Getty Images
O jogador Robbie Rogers que se aposentou após se assumir gay

Dois meses depois de assumir a sua homossexualidade em seu blog pessoal , o ex-jogador americano de futebol  Robbie Rogers  , de 25 anos, falou pela primeira vez para redes de TV dos Estados Unidos sobre sua atitude. 

“É difícil descrever o sentimento, você vai trabalhar pensando ‘espero que ninguém saiba que sou gay’. Porque as pessoas vão te ver diferente, pensar cosias de você", contou Rogers, em entrevista ao programa "Nightline", da ABC. 

"Os caras que jogam, treinam duro com você, formam seu time e viraram seus irmãos.  De repente, fazem você não se sentir mais parte do time”, completou o ex-jogador, falando sobre o temor de peder a amizade dos colegas do seu ex-time, o “Leeds United” da Inglaterra. Ele também atuou na seleção americana.

Curta a página do iGay no Facebook

Leia também: O futebol das Drags

Robbie contou que muitos colegas já desconfiavam que ele era gay e faziam insunuações. "O tempo todo, em todo lugar, desde a época do colégio. O esporte tem essa coisa de ser viril, de macho, mas com certeza há muitos gays no esporte, centenas deles”.

Veja: Futebol ganha torcidas para combater a homofobia

Em outra entrevista, desta vez ao programa Anderson Cooper 360°, da CNN, o ex-jogador disse que não se arrenpende de assumido sua homossexualidade e nem de ter abandonado o futebol. "Assumir impactou minha relação com o time, com a mídia, foi um circo. Falei com a minha família primeiro, mas aí teve toda a revelação pública, enquanto tentava ter um bom desempenho como jogador, foi difícil mas fiquei feliz com a decisão”.

Confira na galeria os esportistas e famosos que se assumiran publicamente


    Leia tudo sobre: futebol
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.