Ele falou pela primeira vez sobre o processo de transição para mulher e disse que a família toda chorou quando ele contou a verdade

Na sexta-feira (24), a TV americana exibiu um programa que o país inteiro estava ansioso para assistir: a primeira entrevista em que o padrasto de Kim Kardashian, o ex-atleta olímpico Bruce Jenner, falou sobre sua decisão de fazer a transição para mulher. “Deus me deu a alma de uma mulher”, ele disse. “Para todos os fins e propósitos, eu sou uma mulher.”

SIGA O IGAY NO FACEBOOK

Pai de seis e padrasto das quatro irmãs Kardashian, Bruce foi casado três vezes, e ficou 22 anos com a mãe de Kim, Kris Jenner. Eles tiveram duas filhas, Kendall e Kylie. Depois do divórcio, Bruce decidiu fazer o que vinha adiando por muitos anos, talvez a vida inteira: assumir sua identidade feminina.

Eu diria que sempre estive muito confuso com minha identidade de gênero, desde que era desse tamaninho

“Eu diria que sempre estive muito confuso com minha identidade de gênero, desde que era desse tamaninho”, ele disse, chorando, para a jornalista Dianae Sawyer, âncora do programa 20/20. “Tentei explicar o que havia comigo, porque já tive todos os meus filhos sentados aí nesta cadeira em que você está – e tentei explicar assim: Deus olhou para baixo e cria o pequeno Bruce – e ele diz: ‘Espera, o que vamos fazer com este aqui? Vamos fazê-lo uma criança inteligente e muito determinada – e quando Ele estava quase terminando, Ele disse: vamos esperar só mais um pouquinho. Então Deus olha de novo,  dá um risadinha e diz: Ei, vamos dar para ele uma alma feminina.’”

Bruce vive uma mentira. Ela não é uma mentira. Não consigo mais viver assim.

Durante a entrevista, ele disse que a jornalista poderia se referir a ele como ‘ele’. Esta é a última entrevista que ele vai dar como Bruce, esclareceu Diane, dizendo que ele se refere à sua verdadeira identidade como ‘ela’. “Bruce vive uma mentira. Ela não é uma mentira”, ele disse. “Não consigo mais viver assim.”

Jenner contou para Sawyer que está tomando hormônios femininos e pretende passar por outras mudanças físicas. “Todas essas coisas estão no meu futuro para ser exploradas. Mas vou fazer tudo discretamente, ninguém no mundo vai saber. “

Apesar dos planos de manter as futuras mudanças em segredo, ele está combinado de fazer uma série documental sobre sua história para o canal E!

“Nós vamos fazer uma diferença para o mundo com isso que estamos fazendo aqui”, ele disse para Sawyer. “Se o programa das Kardashians “Keeping up with the kardashians” puder ser o meu apoio, estou aberto para isso!”

O seu nome feminino é algo que ele ainda não quis dividir com as pessoas. Se recusou a dizer na entrevista e apenas comentou: “A mídia iria enlouquecer”.

Jenner conta que começou a se vestir de mulher ainda criança e tomou hormônios por cinco anos na década de 80. A ex-mulher Kris Jenner conhecia este seu hábito de cross-dresser, e a enteada Kim Kardashian e suas filhas Kendall e Kylie já o flagraram vestindo roupas de mulher dentro de casa.

Quando ele abriu o jogo para família toda alguns meses atrás, “todos choraram”, ele disse. “Basicamente porque não queriam que ninguém magoasse o pai delas.”

Em janeiro saiu na revista “People” a primeira confirmação de mudança de gênero, depois de meses de especulação sobre as transformações na aparência dele.

Uma fonte próxima de Jenner disse que “Assim que ele percebeu que não aguentava mais sentar no banco de trás de sua própria vida, soube que estava na hora de ser honesto consigo mesmo.”

Futuro em branco

Quero saber como essa história termina. Como a minha história termina?

Para Bruce Jenner, o futuro é um desconhecido. “Quero saber como essa história termina. Como a minha história termina?”, se perguntou na TV o ex-campeão olímpico  de 65 anos. “Vai ser uma montanha-russa emocional, mas de alguma maneira eu vou sobreviver.”

Sua maior preocupação é mesmo o impacto que sua decisão vai ter sobre sua família. “Eles são os únicos com que estou preocupado. Não posso me permitir magoá-los.”

Uma coisa ele tem clara no seu futuro: quer ajudar as pessoas. Assim que a poeira baixar e as atenções não estiverem mais voltadas para sua transição de homem para mulher, ele quer mudar o foco para ajudar quem está passando por alguma dúvida, bullying ou discriminação.

Como uma das, talvez a mais, proeminentes celebridades a assumir publicamente sua jornada para a transição de gênero, ele pretende assumir seu papel na comunidade transgênera.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.