A peça de roupa foi criada com cabelos doados somente por pessoas homossexuais. A iniciativa é do Centro para Gênero e Diversidade Sexual do Canadá.


O primeiro suéter "totalmente gay" foi apresentado nesta terça-feira (24) na Toronto Fashion Week, no Canadá. A iniciativa é do Centro para Gênero e Diversidade Sexual do Canadá e tem como objetivo a conscientização, sobretudo no que diz respeito a palavras que as pessoas usam no dia a dia sem perceber que podem ofender outras pessoas.

SIGA O IGAY NO FACEBOOK

"A ideia para o suéter nasceu de um desejo de educar e encorajar pessoas a usar o termo 'gay' da forma correta", diz Jeremy Dias, diretor do Centro. "Queremos que a conversa sobre o suéter gay inspire aqueles que usam a palavra 'gay' sem perceber o impacto negativo de suas ações a mudar seu comportamento".

Em inglês, é comum que as pessoas usem a expressão "that's so gay" ("isso é tão gay") para dizer que algo é "bobo" ou "ridículo". A campanha busca mostrar "o primeiro e único objeto no mundo que pode ser chamado de 'gay' sem intenção de insulto": o suéter gay.

A peça foi costurada com cabelos de centenas de pessoas homossexuais, que concordaram em doar seus cabelos e foi apresentada na tarde de ontem na Toronto Fashion Week.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.