Desiree Akhavan é um nome para se guardar. Depois de escrever a websérie "The Slope", sobre um casal lésbico, aos 30 anos lança seu filme de estreia, "Appropriate Behaviour"

Uma garota bissexual vivendo no Brooklin, em NY, e escondendo da família conservadora de origem iraniana sua bissexualidade é o mote de "Appropriate Behaviour", o filme de estreia de Desiree Akhavan, que entrou em cartaz nos EUA no dia 6 de março.

SIGA O IGAY NO FACEBOOK

A atriz, diretora e autora de 30 anos interpreta Shirin, que está se mudando do apartamento que dividia com a namorada, Maxine - o resto do filme conta a história de como elas se conheceram, decidiram viver juntas e depois ir cada uma pelo seu caminho. "Todo mundo pensa que o filme é autobiográfico, que eu sou a Shirin, porque eu sou uma Iraniana-Americana bissexual", disse ela á revista Glamour britânica, completando que a partir dessa conclusão todos acham que as cenas de sexo revelam como ela faz sexo na vida real. "Já me acostumei com a ideia de que é assim que as pessoas vão interpretar."

Antes do filme, Desiree escreveu e atuou na websérie The Slope, sobre um casal lésbico vivendo em NY. A ideia é continuar escrevendo os seus próprios papeis, e ela já está envolvida no projeto de uma série de comédia que vai apresentar para uma emissora de TV.

As comparações com a também atriz e roteirista Lena Dunham, de "Girls", não são totalmente equivocadas, já que as duas são jovens vivendo em NY e escrevendo a partir de suas próprias experiências. Mas ela considera sexista a sugestão de que ela seria "a nova Lena Dunham": "É como se só se tivesse espaço para uma garota engraçada cujo trabalho pode ser dramatizado."

De resto, ela gosta do trabalho de Dunham e até fez uma participação na série "Girls".

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.