Bruce Jenner tem estado nas notícias por conta de seu processo de transição para o sexo feminino, mas dessa vez não foram as unhas pintadas de vermelho o conteúdo da manchete

Bruce Jenner no local do acidente dia 7 de fevereiro
Reprodução
Bruce Jenner no local do acidente dia 7 de fevereiro

"É uma tragédia incrível", disse Bruce Jenner sobre o acidente envolvendo quatro carros em que ele se envolveu na auto-estrada da Costa do Pacífico no dia 7 de fevereiro. O motorista de um dos carros, de 69 anos, morreu. "Não posso fingir que consigo imaginar o que esta família está passando neste momento". 

Jenner logo depois do acidente que envolveu quatro carros
Reprodução
Jenner logo depois do acidente que envolveu quatro carros

As autoridades negaram que o acidente tenha sido causado porque Jenner tentava fugir dos paparazzi, conforme desconfiança inicial. O patriarca do reality show "Keeping Up with the Kardashians", de 65 anos, não se machucou, e mostrou o registro de seu telefone celular para comprovar que não estava mandando uma mensagem de texto no momento do acidente. "Bruce está levando tudo muito a sério e colaborando de todas as maneiras possíveis", disse uma fonte próxima a Jenner, que passou o fim de semana seguinte sem sair de sua casa, em Malibu. "Ele está muito solidário com a família que perdeu um ente querido."


O acidente aconteceu uma semana depois que a suspeita de que o pai de seis filhos (dois com a mãe de Kim Kardashian, Kris, de quem ele se separou depois de 13 anos de casamento) está fazendo a transição para mulher foi confirmada por uma fonte. Jenner pretende falar sobre isso numa entrevista para a apresentadora americana Diane Sawyer e uma série no canal E! também está sendo negociada.


A mãe de Jenner, Esther, de 88 anos, declarou seu apoio ao filho em entrevista para a Associated Press. "Eu nunca imaginei que pudesse ter mais orgulho de Bruce do que quando ele alcançou seu objetivo (ele ganhou medalha de ouro nas Olimpíadas de Moscou, em 1976), mas estou ainda mais orgulhosa agora. Precisa de muita coragem para fazer o que ele está fazendo."

Ela confirmou que a notícia foi um choque inicial, mas que Jenner a tranquilizou: "Ainda sou a mesma pessoa. Vou continuar indo às corridas de carro e vou continuar pilotando aviões."





    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.