Longa de Daniel Ribeiro sobre adolescente gay concorre na categoria de melhor filme com veiculação limitada

'Hoje Eu Quero Voltar Sozinho' mostra o adolescente cego Leonardo (Guilherme Lobo) se descobrindo gay e se apaixonando pelo novo colega de sala
Divulgação
'Hoje Eu Quero Voltar Sozinho' mostra o adolescente cego Leonardo (Guilherme Lobo) se descobrindo gay e se apaixonando pelo novo colega de sala

A ONG norte-americana GLAAD (do inglês, Aliança de Gays e Lésbicas Contra a Difamação) anunciou na noite da última quarta-feira (22) os indicados à 26ª edição do GLAAD Media Awards , que premia as melhores produções da mídia que tratam sobre a comunidade LGBT.

SIGA O IGAY NO FACEBOOK

O filme brasileiro " Hoje Eu Quero Voltar Sozinho ", do diretor Daniel Ribeiro , está entre os indicados deste ano na categoria de melhor filme com distribuição limitada. Concorrendo com o brasileiro estão os longas " Dear White People " (EUA), " Parceiras Eternas " (EUA), " Na Cadência do Amor " (Reino Unido) e " Will You Still Love Me Tomorrow " (Taiwan).

O filme brasileiro 'Hoje Eu Quero Voltar Sozinho', do diretor Daniel Ribeiro, está entre os indicados deste ano na categoria de melhor filme com veiculação limitada
Reprodução
O filme brasileiro 'Hoje Eu Quero Voltar Sozinho', do diretor Daniel Ribeiro, está entre os indicados deste ano na categoria de melhor filme com veiculação limitada

O filme, lançado em abril de 2014, mostra o adolescente cego Leonardo ( Guilherme Lobo ) se descobrindo gay e se apaixonando pelo novo colega de sala, ao mesmo tempo em que lida com a superproteção de sua mãe.

Entre os indicados a outras categorias estão os seriados " Transparent ", que recentemente ganhou o Globo de Ouro, a febre mundial " Game of Thrones " e o filme " The Normal Heart ".

A novidade desta edição é que, como cada vez mais os LGBTs são representados na televisão, todas as categorias de TV passaram a ter dez indicados, ao invés de cinco.

"[2014] foi um ano memorável para os direitos igualitários, e em nenhum outro lugar isso foi tão notável quanto na visibilidade que os LGBTs ganharam na mídia", comentou a presidente da organização. Sarah Kate Ellis, em um comunicado.

Como os personagens gays no cinema evoluíram e de exceção passaram a ser regra

A 26ª edição do GLAAD Awards será dividida em duas cerimônias. A primeira acontece em Los Angeles, nos EUA, no dia 21 de março, e a segunda será realizada em Nova York, também nos EUA, no dia 9 de maio.

Confira abaixo os indicados das principais categorias da premiação:

Melhor Filme - Grande Veiculação:

O Jogo da Imitação (The Weinstein Company)
O Amor é Estranho (Sony Pictures Classics)
Pride (CBS Films)
The Skeleton Twins (Roadside Attractions)
Tammy (Warner Bros. Pictures)

Melhor Filme - Veiculação Limitada:

Dear White People (Lionsgate)
Parceiras Eternas (Magnolia Pictures)
Lilting (Strand Releasing)
Hoje quero Voltar Sozinho (Strand Releasing)
Will You Still Love Me Tomorrow (Film Movement)

Melhor Série de Drama:

Degrassi (TeenNick)
The Fosters (ABC Family)
Game of Thrones (HBO)
Grey's Anatomy (ABC)
How to Get Away with Murder (ABC)
Last Tango in Halifax (PBS)
Masters of Sex (Showtime)
Orphan Black (BBC America)
Pretty Little Liars (ABC Family)
Shameless (Showtime)

Melhor Série de Comédia:

Brooklyn Nine-Nine (FOX)
Faking It (MTV)
Glee (FOX)
Looking (HBO)
Modern Family (ABC)
Orange Is the New Black (Netflix)
Please Like Me (Pivot)
Sirens (USA Network)
Transparent (Amazon Instant Video)
Vicious (PBS)

Melhor Episódio Individual (de séries sem personagens LGBT fixos):

"Deep Breath", Doctor Who (BBC America)
"Down a Tree" Good Luck Charlie (Disney Channel)
"Identity Crisis" Drop Dead Diva (Lifetime)
"Let's Have a Baby" Playing House (USA Network)
"No Lack of Void" Elementary (CBS)

Melhor Filme para TV ou Minissérie:

The Normal Heart (HBO)

Melhor Documentário:

The Case Against 8 (HBO)
L Word Mississippi: Hate the Sin (Showtime)
Laverne Cox Presents: The T Word (Logo / MTV)
To Russia with Love (Epix)
True Trans with Laura Jane Grace (AOL Originals)

Melhor Reality-show:

B.O.R.N. to Style (FYI)
Big Freedia: Queen of Bounce (Fuse)
Make or Break: The Linda Perry Project (VH1)
R&B Divas: Atlanta (TV One)
Survivor: San Juan del Sur (CBS)

Melhor Telenovela:

Days of Our Lives (NBC)
General Hospital (ABC)

Melhor Disco:

Against Me!, Transgender Dysphoria Blues (Xtra Mile Recordings)
Angel Haze, Dirty Gold (Island Records / Republic Records)
Mary Gauthier, Trouble & Love (In the Black Records)
Mary Lambert, Heart on My Sleeve (Capitol Records)
Sam Smith, In the Lonely Hour (Capitol Records)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.