Episódio do seriado foi ao ar na última sexta-feira (16)

Em Glee, treinadora Shannon Beiste (Dot-Marie Jones) assumiu que é transexual e passará por Cirurgia de Readequação de Gênero
Reprodução
Em Glee, treinadora Shannon Beiste (Dot-Marie Jones) assumiu que é transexual e passará por Cirurgia de Readequação de Gênero

O seriado norte-americano Glee vem quebrando preconceitos desde que estreiou na televisão em 2009. Com diversos personagens LGBTs no enredo - como os homossexuais Kurt ( Chris Colfer ) e Santana ( Naya Rivera ) -, chegou a vez a transexualidade ser tema da série.

12 coisas que você queria saber sobre trans e não tinha para quem perguntar

No episódio exibido na última sexta (16) pelo canal de televisão norte-americano FOX, a treinadora Shannon Beiste ( Dot-Marie Jones ) assumiu que é transexual e que fará a Cirurgia de Readequação de Gênero (CRG).

"É quando o seu exterior não combina com o que você sente que é o seu interior. Não é sobre com quem eu vou levar para a cama, mas sobre quem eu serei ao ir para a cama", diz Beiste ao explicar para o aluno Sam Evans ( Chord Overstreet ) o que é a disforia de gênero (ou transtorno de identidade de gênero) e que continua a se sentir atraída sexualmente por homens.

Em entrevista ao site norte-americano The Hollywood Reporter, a atriz Dot-Marie Jones diz acreditar que o programa está sendo fiél à vida real ao colocar personagens LGBTs na trama.

SIGA O IGAY NO FACEBOOK

"Goste ou não, essa é a vida real. Nós sabemos que isso fará uma diferença. Olhe para todas as coisas que as crianças do programa já enfrentaram, tudo o que Chris Colfer e Kurt passaram juntos. De todos os seriados no ar atualmente, tinha que ser um seriado da FOX, pois eles gostam de correr riscos. Eu não acho nem que 'risco' é a palavra certa. É apenas a realidade", conta.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.