Séries de TV foram espaço de honra para os personagens LGBT em 2014. Quem não adorou ver Maura Pfeffermann encarar os filhos em "Transparent" e dizer: "Passei a vida disfarçada de homem. Esta sou eu."?

Se até na TV aberta os personagens gays estão por todo lado - só na novela "Império" há quatro -, nas séries de TV eles são quase obrigatórios. “Faking it” (sobre duas amigas que fingem ser lésbicas porque isso traz popularidade), “Orange is the new black” (sobre uma prisão feminina) e “Looking” (que mostra a vida de uma turma de amigos com muitos gays em São Francisco), já anteciparam essa realidade. 

SIGA O IGAY NO FACEBOOK

Personagens que já conhecíamos e adorávamos, como Mitchell e Cameron de “Modern Family”, continuam firme e fortes na nossa lista de melhores do ano. Gente nova, como a Maura Pfeffermann de “Transparent”, apareceu para nos conquistar de vez.

Como na vida, os personagens gays das séries estão cada vez mais inseridos em histórias que não giram apenas em torno de um universo gay, mas rompem fronteiras e nichos. São esses personagens, que brilharam em 2014, que o iGay quer celebrar.

Lafayette, de
Reprodução
Lafayette, de "True Blood", um dos personagens favoritos da série


Lafayette (Nelsan Ellis), de “True Blood”

Seu destino estava traçado: ele deveria morrer na primeira temporada, mas sobreviveu até a sétima (e última) na base do carisma e do fato de que se tornou logo de cara um dos personagens favoritos do público do estranho universo de Bontemps. Lafayette ainda se envolveu num movimentado triângulo amoroso neste que foi o ano de despedida da série.

Sammy Al-Fayeed (Noah Silver), de “Tyrant”

Na nova série do canal FX, Sammy é um adolescente à vontade com sua homossexualidade; faltava revelá-la para seus pais. Tudo muda de figura quando passa a morar indefinidamente em um país do Oriente Médio, onde seu pai faz parte da família tirana que ocupa o poder.

Patrick e Kevin, de
Reprodução
Patrick e Kevin, de "Looking" formam um belo casal, mas...

Patrick (Jonathan Groff), de “Looking”

Na nova atração da HBO sobre a cena gay de São Francisco – uma das mais famosas e engajadas do planeta – testemunhamos as idas e vindas do amor de três amigos. Patrick, o mais novo dos três é, também, o mais gato e cativante. No fim da primeira temporada, Patrick se envolve com o chefe dele, o inglês Kevin (Russell Tovey), milionário dono da start up onde ele trabalha - e que tem namorado. 

Ethan (Charlie Carver), de “Teen Wolf”

Sua participação roubou a cena no terceiro ano da série, como um lobisomem homossexual que mexe com os hormônios da cidade. Como "Teen Wolf" foi exibida em 2014 na TV paga, é mais um personagem gay entrando na casa da família brasileira. 


O olhar 43 de Kalinda provocou estragos em
Reprodução
O olhar 43 de Kalinda provocou estragos em "The Good Wife"

Kalinda (Archie Panjabi), de “The Good Wife”

A detetive é uma das personagens favoritas da série e está mais sensual do que nunca na quinta temporada, atualmente em exibição no Brasil. A notícia triste é que atriz e personagem deixam a série após o sexto ano – em exibição nos EUA. Aproveitem enquanto dura!

Jenny (Amber Tamblyn), de “Two and a half men”

Na série que resolveu sair do armário em sua última temporada, Jenny faz a única gay de verdade entre os protagonistas e a melhor na matéria de conquistar mulheres. 


Mitchell e Cameron (Jesse Tyler Ferguson e Eric Stonestreet), de “Modern Family”

Eles sempre pintam por aqui, mas neste ano é especial. Mitchell e Cameron se casaram nos dois episódios que marcaram o fim da quinta temporada do premiado programa.


Maura, de
Reprodução
Maura, de "Transparent"

 Maura Pfeffermann (Jeffrey Tambor), de “Transparent”

Um pai de família chamado Mort resolve assumir sua transexualidade e o faz com graça e maturidade. A transformação de Mort em Maura e os desdobramentos dessa mudança em sua família e no mundo que a cerca é um dos achados em matéria de teledramaturgia no ano. Nasceu um personagem para a gente não esquecer.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.