Projeto de Lei em tramitação no Congresso Nacional define família como núcleo formado por homem, mulher e filhos, excluindo as famílias formadas por casais homoafetivos

A Campanha Nacional de Apoio ao Casamento Civil Igualitário no Brasil, em parceria com a Mídia Ninja, produziu um curta-documentário para apoiar a campanha #NossaFamíliaExiste, lançado na última terça-feira (16).

Campanha pede mudanças no texto do Estatuto da Família - Projeto de Lei que busca a proibição da adoção por casais gays e o não-reconhecimento de famílias formadas por casais homoafetivos pelo Estado
Reprodução/Youtube
Campanha pede mudanças no texto do Estatuto da Família - Projeto de Lei que busca a proibição da adoção por casais gays e o não-reconhecimento de famílias formadas por casais homoafetivos pelo Estado

 A campanha foi criada para pedir a mudança no texto do "Estatuto da Família" - Projeto de Lei 6583/13, que está em tramitação no Congresso Nacional e que retrocede em relação ao reconhecimento do Estado Brasileiro das famílias compostas por duas pessoas do mesmo sexo. O texto do projeto define família como o núcleo formado pela união entre homem e mulher e altera o Estatuto da Criança e do Adolescente (Lei 8.069/90) para proibir a adoção de crianças por casais gays.

SIGA O IGAY NO FACEBOOK

A #NossaFamíliaExiste incentiva famílias compostas por casais homoafetivos - ou qualquer família que fuja do 'padrão' de homem, mulher e filhos - a postarem fotos nas redes sociais segurando um cartaz com a hashtag #NossaFamíliaExiste ao lado de árvores de Natal.

A iniciativa já conta com o apoio de diversas pessoas nas redes sociais e espera chamar a atenção dos deptados para que votem contra a aprovação da PL 6583/13 - ainda sem data marcada para votação.

Assista ao curta-documentário que conta a emocionante história de cinco famílias formadas por casais homoafetivos e que correm o risco de deixarem de ser reconhecidas caso o "Estatuto da Família" seja aprovado:


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.