O autor do crime tem 20 anos e perdeu seu documento de identidade em local próximo ao que o corpo foi encontrado

Foi preso na tarde desta sexta-feira (12), em Inhumas, região metropolitana de Goiânia, um rapaz de 20 anos suspeito de matar o jovem João Antônio Donati, 18 anos. Segundo a polícia disse ao G1, o suspeito confessou o crime depois que seu documento de identidade foi encontrado próximo ao local onde o corpo amanheceu nesta quarta-feira (10), em um terreno baldio.

SIGA O IGAY NO FACEBOOK

De acordo com o delegado que estava conduzindo o caso, Humberto Teófilo, o jovem trabalhava numa fazenda da região, em uma plantação de tomates. Em depoimento, ele disse que manteve uma relação sexual com João no mesmo terreno onde ocorreu o crime.

"Após a relação, ele se desentenderam e partiram para luta corporal. Ele matou o João asfixiado, pegou o papel que estava em um lixo e colocou na boca dele, segundo ele, porque estava 'muito nervoso'", contou o delegado ao G1. O suspeito afirmou que não conhecia a vítima e que não é homossexual, mas que já se relacionou com outros homens. 


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.