Só temos conhecimento de dois homens gays no poder público: o deputado Jean Wyllys (PSOL-RJ) e o prefeito de Lins, Edgard de Souza (PSDB-SP). Haverá outros?

As ministras colombianas Cecilia Álvarez Correa, do Comércio, Indústria e Turismo, e Gina Parody, da Educação, confirmaram que estão em um relacionamento
Reprodução
As ministras colombianas Cecilia Álvarez Correa, do Comércio, Indústria e Turismo, e Gina Parody, da Educação, confirmaram que estão em um relacionamento

De acordo com as estatísticas, 10% da população mundial é gay. No Brasil, das duas uma: ou o universo dos políticos desafia todas as estatísticas ou 99,9% dos nossos políticos preferem viver no armário. Onde estão os 3,9 ministros que se enquadrariam nestes 10% da população? Não estamos acusando ninguém, é uma simples constatação matemática.

Leia também: Em vídeo, Jean Wyllys e Alexandre Vidal Porto discutem a importância de sair do armário na vida pública

SIGA O IGAY NO FACEBOOK

Casal assumido: as ministras colombianas Gina Parody e Cecília Alvarez Correa
Reprodução
Casal assumido: as ministras colombianas Gina Parody e Cecília Alvarez Correa

Será que o Brasil é a exceção da regra? Em vários países desenvolvidos os políticos gays são assumidos e vivem sua vida abertamente. Têm, inclusive, relacionamentos amorosos entre si, como assumiram recentemente as ministras do Comércio, Indústria e Turismo da Colômbia, Cecilia Alvarez Correa , e a da Educação, Gina Parody . Veja na galeria abaixo outros políticos gays assumidos.



    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.