Connor Huntley sofreu um golpe de martelo na cabeça, polícia o levou para o hospital ainda com a ferramenta cravada na testa

Um jovem gay foi atacado por um colega enquanto dormia em Kent, na Inglaterra. Alegadamente por ser contra a orientação sexual de Connor Huntley , Joseph Williams teve um acesso de fúria e o agrediu com uma martelada na cabeça, depois de comentar com amigos que não aguentaria mais viver com o colega e acabaria batendo nele.

SIGA O IGAY NO FACEBOOK

Em 28 de maio do ano passado, Connor estava dormindo quando Huntley entrou em seu quarto com um martelo e o atingiu na cabeça. Em seguida, ele próprio ligou para a polícia e confessou a agressão. Connor chegou ao hospital ainda com a ferramenta presa no crânio. Ele sobreviveu, mas tem sequelas como ataques de epilepsia e impossibilidade de ter uma vida independente.

Joseph Williams foi condenado a 14 anos de prisão por tentativa de homicídio. Ele passará um período em um hospital para doenças mentais e depois será encaminhado para a prisão.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.