O Rose of Tralee é um dos festivais mais antigos da Irlanda, com 55 anos de existência. Ele leva jovens de ascendência irlandesa do mundo todo para Count Kerry para celebrar cultura do país

Um dos pontos altos do tradicional festival é a coroação da Rosa de Tralee. Em meio a festa de rua, carnaval, shows, teatro, circo, parque de diversões e fogos de artifício em Count Kerry, Irlanda, o festival elege uma das participantes como a "rosa" do festival.

Este ano venceu Maria Walsh , 27 anos, que em seguida deu entrevistas e declarou que é gay. "Para mim, ser gay é normal. Contei aos meus pais e eles me deram apoio, como eu sabia que  dariam. Estou confiante em quem eu sou como pessoa."

SIGA O IGAY NO FACEBOOK

Nascida em Boston, Massachusetts (EUA), Maria se formou em Jornalismo e Mídia Visual na Griffith College, depois mudou-se para Nova York e hoje vive na Filadélfia.

"Eu não tenho vergonha da minha sexualidade", ela disse ao jornal irlandês "Sun" no domingo (24). "A Rosa de Tralee é uma comemoração da inteligência das mulheres, suas carreiras, seu trabalho voluntário. A questão da sexualidade nunca interferiu, ser gay é normal... É natural."

A nova Rosa de Tralee contou que começou um relacionamento com uma mulher há alguns anos atrás, que durou dois anos, mas agora ela está solteira.

Para o presidente-executivo do festival, Anthony O'Gara , disse é provável que a sexualidade de Walsh "crie algum interesse, espero que positivo".

,

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.