Beatriz prefere que o marido, Claudio, tenha um caso gay do que ver seu casamento naufragar. Até se aliar com o outro

Não basta ter personagens gays na novela: tem que virar confusão. E é em intrigas, ameaças, barganhas e provas de amor eterno que estão envolvidos os gays de "Império".

Claudio Bolgari ( José Mayer ) levou um pé do amante, Leonardo ( Klebber Toledo ), porque não quer assumí-lo. Claudio quer tudo: ter uma família, uma mulher, uma posição social, e um amante gay fora do casamento.

Leonardo cansou de ser o outro e decidiu se aliar a Téo ( Paulo Betti ) e oferecer todas as provas - uma gaveta cheia de recibos, cartinhas e fotos - de que o affaire dos dois vem de longa data.

SIGA O IGAY NO FACEBOOK

Beatriz ( Suzy Rêgo ), a mulher de Claudio, que sabe do "segredo" do marido desde antes deles se casarem, mais de 20 anos atrás, prefere o marido feliz - mesmo com suas escapadas noturnas - do que sofrendo pelo fim do caso. E ela deixa isso claro: diz que não exatamente adora a ideia, mas aceita o gosto dele por garotos. E o incita a ir procurar Leonardo para fazer as pazes com o namorado.

E agora é assim que estamos: Leonardo vai voltar para Claudio e garantir o equilíbrio ao casamento dele? Leonardo vai trocar todas as provas pelo papel na TV que Téo está prometendo? Téo vai se vingar de Claudio, seu casinho na adolescência, porque no fundo é apaixonado por ele? (Foi isso que o próprio Paulo Betti contou para o iGay) Vai expô-lo no seu blog e acabar com a reputação de pai de família do cerimonialista?

Segundo o autor da novela, Aguinaldo Silva , disse em seu site: "O que me interessa discutir nessa história não é a sexualidade do personagem, e sim, o direito que ele tem de manter sua vida privada em segredo, ou seja – pra usar a linguagem vulgar graças à qual as pessoas se apropriam das questões mais sérias –, de não sair do armário. É por isso, pelo direito à privacidade, que Claudio Bolgari vai lutar até o fim dos seus dias contra o malvado e fofoqueiro Téo Pereira."

E Beatriz é a mulher abnegada que está com o marido em todas as situações. "Seu anjo protetor é Beatriz, sua esposa, a amiga de todas as horas, mãe de seus filhos e companheira há vinte e tantos anos. Eu precisava dizer que Beatriz casou com Cláudio sabendo da bissexualidade dele."

XANA SUMMER NÃO É GAY

Mais de "Império" (com tantos personagens gays, a novela transformou o iGay inteiro em noveleiros): Xana Summer não é gay. Se veste de mulher, parece com mulher, tem nome de mulher e é... homem. Aquelas coisas complexas da sexualidade humana...

É a própria Xana que, debaixo de toda a maquiagem, vai dizer: "Alguém aí já me viu com um homem? Quem dorme toda noite na minha cama é uma mulher!"


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.