Chip Sarafin saiu do armário numa entrevista, tornando-se primeiro jogador universitário ativo a se assumir

Reuters

Um jogador de futebol americano do Arizona disse a uma revista que é gay, tornando-se provavelmente o primeiro jogador universitário ativo a anunciar publicamente sua sexualidade.

Chip Sarafin, da linha ofensiva do time da Universidade Arizona State, disse à uma revista gay local de esportes que decidiu começar a contar para seus colegas de equipe no semestre passado sobre sua opção sexual.

"Foi muito pessoal para mim, e isso beneficiou enormemente a minha paz de espírito", disse Sarafin, em entrevista à edição de agosto da revista Compete.

Ele disse que queria que seus colegas de time soubessem a notícia diretamente dele, e não por meio de "rumores da faculdade".

Veja também:  Contratado pela NFL, Michael Sam comemora com beijo no namorado

Acredita-se que Sarafin seja o primeiro jogador ativo da primeira divisão do futebol universitário a dizer publicamente que é homossexual.

O anúncio dele acontece após a revelação surpreendente feita em fevereiro pelo defensor Michael Sam , que disse ser gay após o encerramento de sua temporada do futebol universitário no Missouri.

Sam, eleito o melhor jogador de defesa da Conferência Sudeste na temporada, foi escolhido pelo St. Louis Rams e pode se tornar o primeiro jogador abertamente gay da Liga Nacional de Futebol (NFL) dos Estados Unidos se entrar em campo.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.