Quer rir ou se emocionar? Tem de tudo na programação teatral com temática LGBT em São Paulo e em Curitiba

Muita programação para quem quer ir ao teatro ver espetáculos de temática gay. Nossas sugestões para o mês de agosto são o drama "Amor Indébito", a comédia "As Poderosas" e, para quem for de Curitiba, o complexo "À Saída do Teatro Depois da Apresentação de uma Nova Comédia".

AS PODEROSAS

Estreia no sábado (9), com sessões às 23 horas no Teatro Paiol Cultural, no centro de São Paulo, o espetáculo "As Super Poderosas", com duas transformistas e um ator fazendo papeis - e vivendo questões - de um universo 100% feminino. As drags  Alexia Twister e Valenttini , mais o ator Mário Goes , são três modelos falidas, Shaiene, Kitéria e Natally, que decidem morar juntas e tentar retomar a carreira em São Paulo. O que acontece então são situações cômicas envolvendo intrigas, segredos e ataques de estrelismo. Em busca do sonhado sucesso nas passarelas, elas tropeçam em erros e conflitos interiores.

A questão filosófica que a peça lança é a seguinte: será o peso, a idade ou o QI o maior obstáculo para elas se tornarem Superpoderosas?

Serviço: 

Teatro Paiol Cultural

Rua Amaral Gurgel, 164 - SP

Sessões aos sábados às 23 h.

Temporada: 9 a 30 de agosto


CURTA O IGAY NO FACEBOOK


AMOR INDÉBITO

Uma história de amor intensa entre um homem e um menino é o mote de "Amor Indébito". O executivo Nando ( Renato Velloni ) vira o objeto do desejo do menor de idade Miguel ( Diego Simionato ), jovem melancólico e amargurado.

Essa paixão obsessiva vai dominar o inocente Miguel e causar dor, isolamento, angústia e loucura. No papel da vizinha de Miguel, Cida ( Renata Sarmento ) se apaixona por ele e se envolve também na história do casal. 

Serviço:

Teatro do Ator - Praça Franklin Roosevelt, 172 - Consolação - São Paulo

Sextas às 21h

Classificação Indicativa: 16 anos

Temporada: 8 de agosto a 26 de setembro


À SAÍDA DO TEATRO DEPOIS DA APRESENTAÇÃO DE UMA NOVA COMÉDIA

O público do teatro ganha retrato neste espetáculo, que analisa tanto o comportamento do espectador quanto do artista. O encenador faz a crítica da crítica atual, contrapondo a sensação do espectador diante do espetáculo e a crítica dos críticos profissionais, aqueles que se colocam na posição de julgar a arte, naquele momento em que todos são críticos de teatro: a saída do teatro.

Montagem baseada em texto do dramaturgo russo Nicolai Gogol (1809-1852). 

No elenco estão a transexual  Maite Schneider , Isidoro Diniz , Ludmila Nascarella , Kaley Michelle , Cláudio Fontan , Fernando Cardoso e Cesar Almeida .

Serviço:

Teatro Falec - R. Mateus Leme, 990 

Quarta a sábado às 20 h

domingo 18h e 20h

Entrada Franca 

Temporada: de 6 a 31 de agosto

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.