John Fennell, que representou o país nos jogos de Sochi 2014, disse que era exaustivo esconder homossexualidade

Atleta da modalidade luge de descida em trenó em luge, o canadense John Fennell  se assumiu gay em entrevista ao jornal Calgery Herald. O atleta representou o Canadá neste ano nas Olimpíadas de Sochi, na Rússia.

CURTA O IGAY NO FACEBOOK 

“Estar no armário é sufocante. Você fica jogando o jogo ‘queM sabe [que sou gay]?’. Você não pode deixar escapar nenhum trejeito ou segredo. Tem que agir como machão, ficando muito consciente dos seus maneirismos para não deixar ninguém perceber nada. É muito cansativo”, desabafou o atleta na entrevista ao jornal.

Apesar de se perceber gay há bom tempo, Fennel escondia sua homossexualidade. "Eu tentei esconder, namorei meninas no colégio. Viver numa cultura esportiva exigem que você diga bravatas para se defender. Isso me fazia ter que suprimir uma parte de mim”, contou o atleta.

Depois de assumir, Fannel recebeu apoio de seus fãs na redes sociais, que o parabenizaram pela coragem em sair do armário. “Eu sou abençoado por ter tanta positividade em torno da minha vida. Não há palavras para essa sensação. Obrigado”, agradeceu o atleta em seu perfil no Twitter.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.