iGay seleciona o melhor da folia para a turma LGBT nas capitais Rio de Janeiro, Recife, Florianópolis, São Paulo e Salvador

No Brasil, talvez não haja data mais aberta à diversidade do que o carnaval. Dos desfiles de escolas de samba aos blocos de rua - onde homens se vestem com roupas de mulher sem medo de ser feliz - a folia costuma receber e celebrar a comunidade gay todos os anos, em diversos cantos do País.  

CURTA O IGAY NO FACEBOOK 

Alguns destinos em particular se caracterizam por ter um carnaval particularmente voltado para a comunidade LGBT. Disputando o título de capital da folia brasileira com Salvador, o Rio de Janeiro tem os blocos de rua mais fervidos do País, com uma variedade que vai da clássica Banda de Ipanema ao animadíssimo Bloco da Preta, puxado pela diva gay Pretal Gil .  

Mas a capital baiana não fica atrás na folia LGBT, até porque é lá que vai estar o maior ícone gay brasileiro do momento,  a cantora Daniela Mercury , que vai puxar dois trios elétricos, o Crocodilo e o Triato.  

Além de Salvador e Rio, as capitais de Florianópolis, Recife e São Paulo também têm folias LGBT que merecem destaque no carnaval de 2014.  O iGay  selecionou o melhor dessas cidades para quem quer aproveitar para valer a mais brasileira das festas. 

RIO DE JANEIRO 

A Cidade Maravilhosa terá nada mais nada menos do que 457 blocos de rua autorizados em 2014. Mas não é preciso se apavorar para fazer a sua escolha entre tantas opções. Nós mostramos quais entres tantos costumam ser os favoritos do público gay.  

Celebrada por ter um dos melhores repertórios do carnaval e pela alta concentração de gente bonita, a Banda de Ipanema é a mais pura tradição do carnaval do Rio. Saindo da Praça General Osório, na Zona Sul da cidade, o bloco fará seis aprensentações neste ano, nos dias 15 e 23 de fevereiro e 03, 04 e 10 de março.

É quase um pecado passar o carnaval no Rio e não conhecer o mix de trio elétrico e bloco de rua de Preta Gil.  Neste ano, a cantora vai incendiar a Avenida Rio Branco com hits de Wando e Ivete Sangalo.   Os hit do axé "Lepo Lepo" e os sucessos do arrocha do Pará também não vão faltar no repertório dela.  A folia de Preta, que neste terá o famoso tuitero Gominho como Rei Momo, está marcada para o dia 23 de fevereiro.

Alguns blocos, que ainda não tem data de saída definida, também devem ser considerados pelos foliões. O   “Viemos do Egyto”  vai tomar as ruas da Cinelândia. Queridinho das garotas lésbicas, o  Toco-Xona  desfila no bairro de Botafogo. Já o Bunytos de Corpo,  com rapazes de sungas, colants e calças de ginástica, ferve na Praça Tiradentes, no centro da cidade.

De Recife, o gigantesco Galo da Madrugada também atrai a turma LGBT
Divulgação
De Recife, o gigantesco Galo da Madrugada também atrai a turma LGBT

RECIFE E OLINDA 

O carnaval da capital pernambucana tem como sua atração principal um dos maiores blocos do mundo, o Galo da Madrugada Que além do seu tamanho gigantesco, também é reconhecido por ser totalmente pró-diversidade. Entre todos os trechos do trajeto, a turma LGBT costuma se concentrar na Avenida Guararapes.  

Durante todo o fim de semana de carnaval, o Galo faz aparições pelas ruas do bairro São José. Mas é no sábado 1º de março que o bloco atinge a sua maior concentração, começando o batuque desde as 7h da manhã e terminando só quando o dia escurece.  

Na vizinha Olinda também tem folia LGBT. A turma colorida bate cartão na Rua 13 de Maio, no centro da cidade, que é famosa pelo desfile de bonecos gigantes.  

FLORIANÓPOLIS 

10 entre 10 gays, sejam eles turistas ou locais, escolhem a Praia Mole como o seu destino favorito na capital de Santa Catarina. A leste da ilha, a faixa de areia ficou popular entre os LGBTs por causa de uma barraca, o Bar do Deca.  

Como era de se esperar, o carnaval de Floripa também se dá na região da Mole. Dois são os endereços principais por lá. O primeiro é o hotel Eco Village, que terá uma sequência de festas durante todo o fim de semana de carnaval.  O outro é a filial temporária da casa paulistana The Week que abre na praia.  

21º Concurso Pop Gay de 2013 de Floripa tem drag queens, shows e performaces
Divulgação
21º Concurso Pop Gay de 2013 de Floripa tem drag queens, shows e performaces


O carnaval da The Week terá DJs badalados como o alemão Micky Fridman, o mexicano Isaac Escalante e o americano Chris Cox, entre outros convidados.    

Também faz parte do calendário LGBT da cidade o  21º Concurso Pop Gay , que acontece a céu aberto no dia 3 de março, na Avenida Paulo Fontes. Além de eleger a melhor drag queen versão carnaval, o evento conta com shows e performances.  

Daniela Mercury agita Parada Gay de Salvador, em setembro de 2013
Futura Press
Daniela Mercury agita Parada Gay de Salvador, em setembro de 2013

SALVADOR 

Com 15 anos de existência, Os Mascarados se firmou durante todo esse tempo como o mais democrático e gay friendly bloco da capital baiana. 

O bloco ficou marcado também pela presença contagiante da vocalista  Margareth Menezes.  A cantora comandou a festa  por mais de uma década, mas saiu em 2009.

Neste ano,  Os Mascarados será comandado em tom familiar, pela cantora  Baby do Brasil e pelo filho  Pedro Baby.   O bloco desfila no dia 27 de fevereiro. Os orfãos de Margareth poderão ouvir a poderosa voz dela nos dias 2 e 3 de março, no Bloco Cordão Cultural Afropop. 

Mas a rainha gay do carnaval de Salvador deve ser mesmo Daniela Mercury. Com a presença especial da mulher Malu Verçosa , a estrela baiana vai estar no circuito Dodô a bordo do Triatro, um trio elétrico de três andares, que trará a cantora homenageando Dorival Caymmi  no dia 1º de março. Já entre 2 e 4 de março, a diva sai no  Bloco Crocodilo. 

SÃO PAULO

Engana-se quem imagina que o carnaval de São Paulo se restringe ao sambódromo do Anhembi. A coloridíssima Banda do Fuxico é só um dos exemplos que a folia de rua também cresce na cidade. Saindo do point gay Largo do Arouche, o bloco começa os trabalhos a partir das 10h, no dia 23 de fevereiro.

Apesar de não ser particularmente dedicado ao público gay, o estreante Tarado Ni Você também diverte a turma LGBT, tocando apenas músicas de Caetano Veloso . Concentrado na icônica esquina das avenidas Ipiranga e São João, o bloco faz a festa no dia 22 de fevereiro, às 13h.

Como de se esperar, as casas noturnas gays da cidade também tem uma programação intensa no fim de semana de carnaval. Na The Week, na Zona Oeste, a folia acontece ao som de muita música eletrônica. Na Cantho, no centro paulistano, a trilha sonora é a mesma. Lá, as noites carnavalescas só acabam quando o dia amanhece.



    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.