Felipeh Campos, criador da torcida organizada LGBT do Corinthians, lança logotipo com referências do universo feminino e rebate críticas sobre o projeto

Feliphe Campos apresenta novo logo da torcida Gaivotas Fiéis
Divulgação
Feliphe Campos apresenta novo logo da torcida Gaivotas Fiéis

Após causar polêmica ao divulgar a criação da torcida organizada gay do Corinthians , a Gaviotas Fiéis , o apresentador Felipeh Campos mostra agora o logotipo do grupo, com referências do universo feminino: espelho e pincéis de maquiagem. 

CURTA O IGAY NO FACEBOOK 

Segundo Campos, os objetos foram selecionados propositalmente para provocar os torcedores mais conservadores. “Criamos esse logo para que esse bando de vândalos comece a entender que não adianta ser machão para torcer e sim considerar que o futebol está entre as maiores maravilhas do mundo”, explica.

Após receber ameaças por meio das redes sociais e prestar queixa no DHPP (Departamento de Homicídios e de Proteção à Pessoa), o apresentador, que havia afirmado ao iG   que não percebia nenhuma atitude homofóbica  entre os torcedores até então, passou a temer e começou a usar um discurso mais politizado. “Mães que choram pelos seus filhos mortos em confrontos nas arquibancadas não combinam com o show que é o futebol brasileiro.”

Campos pretende atrair 50 mil inscritos no lançamento da torcida e sonha atingir 500 mil membros uniformizados nos próximos anos. A ideia da torcida organizada é levar LGBTs aos estádios para acompanhar as partidas do time paulistano. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.